Encontre Aqui o seu
Filhote


PARA CADASTRAR SEU
FILHOTE,BOTÃO ABAIXO.





Bouvier de Flandres

atividade :

inteligencia :

curiosidade :

tamanho :

necessidade de exercicio :


História

O Bouvier de Flandres ou Boieiro de Flandres é, tal como o nome indica, natural da Flandres, região que hoje em dia está repartida entre a França e a Bélgica.

O Boeiro de Flandres foi apurado a partir dos cães que se encontravam nessa região. O objetivo era conseguir um cão que tivesse as características físicas e comportamentais adequadas à condução do gado.

A I Guerra Mundial foi bastante devastadora para região e esta raça sofreu bastante ao ponto de estar em perigo de extinção. Para isso contribuiu também o fato do Bouvier ter sido usado como cão mensageiro e como cão de busca e salvamento durante o conflito. Antes da guerra, havia várias variantes do Bouvier de Flandres e o consenso entre os criadores e os clubes para uniformizar a raça era difícil. Perante um baixo número de exemplares, franceses e belgas reuniram-se para tentar uniformizar o Bouvier des Flandres, o que só foi conseguido em 1936.

A II Guerra Mundial foi um segundo duro golpe na raça. Lentamente, a raça foi recuperada, tendo sido aceita pela FCI em 1965.

Hoje em dia, o Boieiro de Flandres é sobretudo um cão de guarda e de companhia.  Mas é também utilizado em operações policiais, em caça, como guia de cegos, etc

Temperamento

O Boieiro de Flandres é um cão de guarda, mas também de alarme. É obediente, embora não seja particularmente voluntarioso.

Necessitam de um treino consistente e de uma forte socialização. Os exemplares menos socializados tendem a ser agressivos com outros cães. Protetores, são desconfiados em relação a estranhos.

A lealdade deste cão é uma das suas características mais conhecidas. Apesar do aspecto intimidante, o Boieiro de Flandres é na realidade um cão calmo e gentil.

Adapta-se à vida num apartamento, embora necessite de ser muito bem exercitado. O ideal seria ter acesso a um pátio de grandes dimensões. São cães ativos e enérgicos

Descrição

O Boieiro de Flandres é um cão de porte grande com um corpo maciço e imponente. Os machos têm entre 62 e 68 cm de altura e rondam os 35 e os 40 kg. As fêmeas são geralmente mais baixas e mais leves, ficando entre os 59 e os 65 cm de altura e os 27 e 35 kg de peso.

A aparência intimidante deste cão de guarda é dada em primeiro lugar pela cabeça. Maciça, a cabeça é ainda mais acentuada pela barba, o bigode e as longas sobrancelhas. O stop é ligeiramente pronunciado. Na ponta, o nariz de largar narinas é sempre preto. A expressão vigilante é dada pelos olhos que devem ser sempre o mais escuros possível.

De corpo curto e compacto, o Bouvier de Flandres emana força e resistência. Os membros anteriores são retos e musculosos e as coxas largas e fortes.

A pelagem é densa e com duas camadas que o tornam perfeitamente adaptado a regiões de climas instáveis e duros. O pêlo deve ser áspero ao toque, seco e sem brilho e de comprimento médio. A cor mais comum do Bouvier des Flandres é o cinzento, embora seja também aceita o brindle ou sombreados escuros. Uma estrela branca no peito é tolerada.

Saúde e Higiene

O Boieiro de Flandres é um cão resistente, habitado ao mau tempo. As maiores preocupações de saúde estão relacionadas com a displasia da anca e problemas oculares. Compre apenas cachorros cujos pais tenham feito testes de despiste destas doenças.

A pelagem deste boieiro ser desalinhada, ela exige na realidade bastante atenção. O cão deve ser escovado frequentemente, 4 a 5 vezes por semana, pois o pêlo tem tendência a formar riças. Duas a três vezes por ano, a pelagem deve ser aparada.

 

Poodle

macho
24-02-2016
R$ 1,200.00



Login Facebook
Dúvidas, informações ou sugestões entre em contato pelo e-mail: bolsadefilhotes@webpeople.com.br
Desenvolvido por Web-People